COLUNA - SÓCRATES JÚNIOR (TV SBUNA)Com o termino da votação do impeachment no plenário do senado, no último dia 31 de agosto de 2016, o Brasil dá mais um passo na sua história. Onde encontramos a concretização de umimpechment, fato esse que já acontece pela segunda vez no País. Com o total de 81 votos, sendo 61 a favor e 20 contra, a senhora Dilma Vana Rousseff é destituída do cargo da presidência da república, sendo condenada pelos crimes de responsabilidade fiscal, as conhecidas “pedaladas fiscais” acontecidas no Plano Safra e pelos decretos que originaram gastos sem autorização do congresso nacional.

Depois de tal decisão os senadores ainda abriram uma votação para que a mesma não fosse punida pela inabilitação de desenvolvimentos de cargos públicos. Sendo assim, poderá se candidatar em cargos eletivos e exercer funções na administração pública. Depois de tal noticia a ex-presidenta se pronuncia e relata que foi vitima de um segundo golpe, mas essa questão de pensamento de golpe pode ser corrigida, golpe é aqueleacontecimentoque existe sem consulta da constituição federal de 1988, não foi golpe e sim democracia, vivemos numa sociedade onde podemos empregar a frase Paulo Freire: “ A democracia não pretende criar santos, mas fazer justiça”.

Mas também não devemos deixar de levar em conta sua história que foi árdua e sofrida no regime militar, levantando também que foi a primeira mulher a governar o Brasil. Mas o justo e correto tem que ser empregado independente de qualquer coisa, aqui encerro com um pequeno apelo, sejam cidadãos democráticos e não fanáticos ao ponto de não ver a realidade.

Toda via esperamos que em seu novo cargo o senhor excelentíssimo presidente Michel Temer preencha todas as faltas e cumpra com as ordens determinadas pela nossa constituição, podendo assim melhorar a vida dos brasileiros, que afinal foram os que mais sofreram com esse peso de problemas.

Veja também

Comente via Facebook

comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here