Os devotos do Bom Jesus dos Pobres Aflitos foram pegos de surpresa na manhã desta quinta-feira (28), após a Diocese de Garanhuns (PE) anunciar o afastamento temporário do ministério presbiteral do Padre Fábio Cavalcante que consequentemente renunciou a função de Pároco na São Bento do Una (PE).

A notícia veio se espalhar pelas redes sócias e pelas ruas, depois de 4 anos à frente da paróquia do Bom Jesus.

Um são-bentense de coração, Fábio Cavalcante enviou uma carta ao Bispo Diocesano Dom Paulo Jackson, detalhando seus 12 anos como padre, expressando que sua decisão foi tomada com várias reflexões tidas ao longo de um certo tempo, ou seja, não foi uma decisão que nasceu recentemente.

Fábio revelou no escrito aquilo que intitula como “Novo Tempo”, tempo esse que pretende dedicar plenamente ao seu sonho de infância, a advocacia, sem deixar aquilo que aprendeu com São Bento, citando “Ora Et Labora,” ou seja, Orar e Trabalhar. O agora ex-padre comunica o afastamento da Paróquia do Bom Jesus dos Pobres Aflitos, revelando que não foi fácil, porém acha por melhor ser verdadeiro com Deus, seu povo e consigo mesmo, assumindo assim a tamanha responsabilidade e decisão de forma tranquila, sincera e serena.

Ele foi substituído pelo padre Welington Vilar de Araújo junto com Ivo Francisco que segue como vigário Paroquial.

Cavalcante termina a carta emocionado, agradecendo a todo povo da Diocese e de São Bento do Una, lembrando da missa de encerramento no dia 6 de janeiro, terra que revelou ser a “sua casa”, dizendo ainda que não há necessidade de despedidas pretende continuar na cidade e com a população se põe como um peregrino na vinha do Senhor. Na cidade ele conquistou muitos amigos de diversas classes da sociedade como a Prefeita Débora Almeida (PSB) e seu pai Zé Almeida, entre outras personalidades.

Mas outro assunto vem sendo discutido nas ruas e em redes sociais, e o jornalista Naldinho Oliveira, amigo de Fábio Cavalcante, aproveitou esse momento e perguntou ao advogado se ele entraria na política e ele respondeu que nesse momento lhe falta tempo e hoje não estar em seus planos, no entanto fez uma citação, de R. M. dizendo “Nunca dica Nunca”.

Confira a carta enviada exclusivamente para a TV SBUNA e o comunicado da Diocese na integra!

COMUNICADO

Pedi ao Senhor da colheita que envie trabalhadores para a colheita (Mt 9,38).

Considerando o bem do Povo de Deus e as necessidades pastorais da Diocese de Garanhuns,em geral, e de algumas paróquias em específico;

Considerando o pedido de Pe. Fábio Cavalcante da Silva de afastamento temporário do ministério presbiteral e a consequente renúncia à função de pároco da Paróquia de Senhor Bom Jesus dos Pobres Aflitos, em São Bento do Una, acontecida no dia 1o de fevereiro de 2019 próximo passado;

Considerando o retorno do Monsenhor Carlos André Vieira Alexandre Paes a nossa Diocese, depois de um período sabático;

Considerando o fato de que vários sacerdotes já estejam com mais de seis anos em suas respectivas funções;

Considerando a reunião do Conselho Presbiteral, acontecida hoje pela manhã na Cúria Diocesana, e as reflexões feitas em clima de profunda comunhão e corresponsabilidade;

Solicitando a compreensão, a solicitude e as orações de todas as paróquias e pessoas envolvidas;

N O M E I O

1) PE. WELINGTON VILAR DEARAÚJO – Pároco da Paróquia de Senhor Bom Jesus dos Pobres Aflitos, em São Bento do Una, com vigência a partir do dia 07 de março de 2019. O Pe. Ivo Francisco da Silva permanece como Vigário Paroquial.

2) PE.JOSÉ BENTO DE FRANÇA ‒ Pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Águas Belas, com vigência a partir do dia 07 de março de 2019. O Pe. José Hilton Ferreira permanece como Vigário Paroquial (somente de Nossa Senhora da Conceição).

3) PE. JOSÉ EVANDRO DA SILVA ‒ Pároco da Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, Bairro Francisco Figueira, em Garanhuns, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019. No intervalo, até a sua chegada, a Paróquia do Sagrado Coração de Jesus será atendida por padres da cidade de Garanhuns.

4) PE. ALAÉRCIO DE LIMA NAZÁRIO – Pároco da Paróquia de São Sebastião, em Águas Belas, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

5) PE. CLÓVIS SOARES DA SILVA – Pároco da Paróquia de Nossa Senhora de Lourdes, em Calçado, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

6) PE. MARCELO PROTÁZIO ALVES ‒ Pároco da Paróquia de São Caetano, em Caetés, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

7) PE. RIVALDO PEIXOTO DE ARAÚJO – Pároco da Paróquia de Jesus, Maria e José, em Bom Conselho, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

8) MONSENHOR NELSON BRITO DA SILVA – Pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Canhotinho, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019. O Pe. Sérgio Santos da Silva permanece como Vigário Paroquial.

9) MONSENHOR CARLOS ANDRÉ VIEIRA ALEXANDRE PAES ‒ Pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Jurema, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

10) PE.JEOVÁ RIBEIRO FAUSTINO ‒ Pároco da Paróquia de Santa Isabel de Hungria, Distrito de Rainha Isabel, Município de Bom Conselho, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

11) MONSENHOR ALEXANDRE DE MELO CASTANHA NETO ‒ Vigário Paroquial da Paróquia de Santa Teresa, Bairro Magano, em Garanhuns, com vigência a partir do dia 31 de março 2019.

12) O futuro PE. GALDINO HENRIQUES DA SILVA ‒ Administrador Paroquial da Paróquia da Santa Cruz, em Brejão, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

13) O futuro PE. JOSÉ EDJALMA FIRMINO DA SILVA ‒ Vigário Paroquial da Paróquia de São Sebastião, em Águas Belas, com vigência a partir do dia 31 de março de 2019.

14)  DIÁCONO PEDRO ANTÔNIO DA SILVA ‒ Uso de Ordens; designado para a Paróquia de São José, em Angelim.

15)  DIÁCONO ÂNGELO GIUSEPPE SADY RIBEIRO ‒ Uso de Ordens; designado para a Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Quipapá.

16)  DIÁCONO JOSÉ ARIMATÉIA BARROS DE SANTANA ‒ Uso de Ordens; designado para a Paróquia de Jesus, Maria e José, em Bom Conselho.

17)  DIÁCONO MARCOS PAULO DOS SANTOS SENA ‒ Diácono Permanente pertencente à Diocese de Cruz das Almas (BA) e residente em Garanhuns; recebe uso de ordens na Diocese de Garanhuns (ad experimentum).

Meu coração de pai e pastor sofre pela decisão tomada por Pe. Fábio Cavalcante. Ao mesmo tempo, agradeço a Deus pelo exercício do seu ministério ao longo desses anos em nossa amada Diocese. Oro por ele e o consagro sob o manto materno de Nossa Senhora. Que Deus o livre dos perigos e de todas as insídias do inimigo. Por outro lado, acolho, com o coração em festa, o nosso amado irmão, Monsenhor Carlos André. A todos os envolvidos nessas nomeações, o meu mais sincero agradecimento.

Comunico, outrossim, a aprovação prévia, condicionada pelos resultados dos proclamas, da Ordenação Presbiteral dos Diáconos Antônio Farias, Galdino Henriques, José Edjalma e Rodrigo Venícius para o dia 19 de março, dia de São José, na Igreja Catedral de Garanhuns.

Garanhuns, 27 de fevereiro de 2018

Dom Paulo Jackson Nóbrega de Sousa
 Bispo de Garanhuns

Veja também

Comente via Facebook

comentários

Vamos ajudar!


Doe agora!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here